segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Monte Toscanini Reserva Familiar - Tannat - 2007


Cada vez mais me revelo apaixonado por essa cepa. A tannat, cepa originalmente usada na vitivinicultura francesa, mas muito bem adaptada no Uruguay e, mais recentemente, explorada no Brasil (inclusive no Vale do São Francisco), cada lugar agregando características próprias ao vinho. Embora eu tenha provado vinhos muito bons dessa variedade e outros...nem tanto, o fato é que tal cepa dá origem a vinhos de grande personalidade e potencial de envelhecimento. Esse Monte Toscanini é um produzido no Uruguay sem muitas pompas e investimentos como tem ocorrido com muitos exemplos chilenos, mas é, em minha opinião, um bom produto a um preço justo. Coloração de um vermelho intenso, até pelo pouco envelhecimento. Na taça, poucas lágrimas que desceram rapidamente. Aroma de geléia de framboesa. Na boca, um vinho equilibrado com taninos sedosos, mas creio que um pouco mais de tempo na garrafa melhore ainda mais. Tenho algumas outras em minha adega que vão aguardar um pouco mais.

1 comentários:

Dalton disse...

Concordo totalmente. Confesso que sou um admirador dos vinhos feitos com a uva Tannat. Normalmente bebo os prduzidos pela Bodegas Carrau do Uruguai, mas este vinho me surpreendeu. Sugiro deixa-lo respirar num decanter antes de bebe-lo. Excelente relação custo benefício.